Oferta formativa 2017/2018

  • Clique para saber mais...

Webmaster

Webmaster

quinta, 12 janeiro 2017 09:27

Cumpriu-se a tradição! No dia de Reis, 6 de janeiro, no período da manhã, as crianças da Educação Pré-Escolar cantaram os Reis na Escola Básica Nuno Álvares à Comunidade Escolar. De tarde deslocaram-se ao exterior: um grupo a pé percorreu algumas ruas da vila de Carregal do Sal, Câmara Municipal e Agrupamento de Escolas; dois grupos seguiram de autocarro até Fiais da Telha, Oliveira do Conde e Vila Meã, Sobral, Parada e Papízios. O grupo do Jardim de Infância Angelina de Sousa Mendes (Cabanas de Viriato) deslocou-se a Beijós.

Os grupos entoaram canções alusivas ao tema acompanhadas por instrumentos musicais.

Fomos recebidos com muita alegria e satisfação pelas comunidades locais.

Bem-haja a todos e Bom Ano Novo!

terça, 13 dezembro 2016 15:31

O nosso Agrupamento assinalou mais um aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos, na semana de 10 de dezembro, uma atividade dinamizada no âmbito do Projeto UNESCO, que contou com a colaboração dos Diretores de Turma do 3º ciclo e da docente da disciplina de Filosofia.

Este ano, os trabalhos dos alunos tiveram como símbolo a árvore, o que deu origem a uma Floresta dos Direitos Humanos, colorida e muito multifacetada na Escola Básica Aristides de Sousa Mendes, numa evocação do Jardim dos Justos do Yad Vashem (Jerusalém) e, simultaneamente, de uma sociedade plural e multicultural. Na Escola Sede e na Escola Básica de Carregal do Sal, as árvores revestiram-se de folhas com os trinta direitos da Declaração Universal, de 1948 e de frutos representativos de defensores dos direitos. Na Escola Sede foi, ainda, realizada uma exposição, de trabalhos dos alunos, sobre os laureados com o Prémio Nobel da Paz e sua biografia, realizados no âmbito da disciplina de Filosofia.

Registamos o empenho dos alunos e professores nesta atividade, que tinha por objetivo primordial refletir sobre conceitos como liberdade, igualdade e outros direitos fundamentais, que não podem ser letra morta. Fica a esperança de que esta efeméride se traduza em mais um contributo para alertar consciências para a necessidade de construir um mundo melhor em nosso redor.

Dores Fernandes e Helena Romão

segunda, 12 dezembro 2016 14:17

No dia 6 de dezembro as crianças da Educação Pré-Escolar da Escola Básica Nuno Álvares e Jardim de Infância Angelina de Sousa Mendes vivenciaram um dia diferente. Foram ao cinema (Palácio do Gelo/Viseu) assistir ao filme “Vaiana”. Saborearam deliciosas pipocas e almoçaram no Palácio do Gelo.

Seguiram depois para a zona do Rossio (centro da cidade de Viseu) onde percorreram a pé algumas ruas. Observaram as decorações, o comboio e o Mercado de Natal. Algumas turmas tiveram ainda oportunidade de assistir a uma animação natalícia que decorria numa das tendas do Mercado de Natal. Foi um dia encantador, mágico e divertido para as nossas crianças.

Um agradecimento à Câmara Municipal e ao Agrupamento de Escolas de Carregal do Sal pelo apoio prestado na concretização desta atividade.

segunda, 12 dezembro 2016 14:13

No dia 2 de dezembro, o Departamento de Educação Especial dinamizou a atividade “Ações de sensibilização para a diferença”, enchendo as escolas de balões coloridos. Em cada balão foram colocadas mensagens alusivas à diferença com o objetivo de despertar o sentimento de respeito e de aceitação da pessoa com deficiência.

Foi de uma forma generosa e solidária que, nas diferentes escolas, funcionários e alunos colaboraram com os docentes de Educação Especial na realização desta atividade. Na Escola Secundária de Carregal do Sal, também o presidente da Associação de Estudantes, Tomás Batista, juntamente com outros alunos, suscitaram sentimentos de alegria e gratidão nos alunos com necessidades educativas especiais, ao colaborarem, de forma ativa e entusiasta, na colocação dos balões nos gradeamentos e nos ramos das árvores.

A todos os que deram o seu contributo, o Departamento de Educação Especial deixa os seus sinceros agradecimentos, na esperança de que estas mensagens tenham tocado o coração de todos os membros da comunidade escolar.

 

Departamento de Educação Especial

Carregal do Sal, 6 de dezembro de 2016

quarta, 07 dezembro 2016 11:39

Ao longo do mês de novembro, os docentes de educação especial, a prestar apoio pedagógico personalizado aos alunos com necessidades educativas especiais que beneficiam de um currículo específico individual, desenvolveram o projeto “O Ciclo do Azeite”. Através do visionamento de vídeos e audição de temas musicais, os alunos puderam observar as várias fases de todo este processo, desde o varejar e apanha da azeitona, à produção do azeite.

 Com lápis de cor e tintas cenográficas coloriram os desenhos que retratavam cada uma das fases do ciclo do azeite. Os alunos revelaram interesse pelo tema, mas, a atividade onde se mostraram mais curiosos e interessados, foi, claramente, a visitaao Lagar de Azeite António Silvestre Ferreira Nobre & Henrique Nobre, de Carregal do Sal, no dia 24 de novembro. No lagar, os alunos puderam observar as várias máquinas em movimento, no processo de transformação das azeitonas em azeite. Todas as fases foram cuidadosamente explicadas pelo dono do Lagar, Sr. Nelson Nobre, a quem deixamos os nossos agradecimentos. Após a visita, os alunos confecionaram e saborearam, na área de Atividades da Vida Diária (AVD) da Escola Secundária, os tradicionais biscoitos de azeite.

 

Carregal do Sal,29 de novembro de 2016

 

Departamento de Educação Especial

segunda, 28 novembro 2016 11:18

    No dia no dia 25 de novembro realizou-se, no Agrupamento de Escolas de Carregal do Sal, das 18h às 21h, a 1ª feira RECriAr-te…do POBRE se faz NOBRE, sob o mote “Do Artesanato ao Prato”, atividade proposta com o objetivo de incentivar a comunidade escolar e local a promover formas de sustentabilidade económica, promovendo produtos na linha do produtor ao consumidor. Esta iniciativa encontra-se inserida no ProjetoUNESCO “Refugiados e Heróis…do Passado e do Presente” - 2015/17, sendo que as verbas angariadas na venda de produtos, promovida pelos alunos, revertiam a favor dos mesmos, para minimizar os custos da viagem à FITUR, em Madrid, planeada para janeiro de 2017, e uma pequena percentagem sobre as vendas dos restantes participantes, da comunidade local, revertia para a sustentabilidade das publicações do projeto UNESCO.

    Em jeito de balanço, esta atividade, cujo conceito é interessante sob o ponto de vista do “Saber Ser” e “Saber Fazer”, ao desenvolver competências, nos alunos, perante a realidade da perda de poder de compra das famílias, poderia ter tido maior sucesso na comunidade escolar e local. No entanto, acreditamos que TODOS os envolvidos concretizaram parte dos objetivos propostos, tendo resultado, por isso, num saldo positivo, pois traduziu-se num momento de enriquecimento e de aprendizagem.

    A relação genuína e o saudável convívio estabelecido entre os envolvidos serviram para os aproximar, o que se torna imperativo no mundo de hoje, onde impera o culto do individualismo, o proveito do “Eu”, em detrimento do “Eu e os Outros”, contribuindo para o isolamento pessoal e social. Em conclusão, não podíamos deixar de agradecer aos alunos envolvidos que se revelaram trabalhadores, empenhados e profissionais, cumprindo a tarefa a que se propuseram com muita responsabilidade, aliada a um grande sentido de equipa, boa disposição e companheirismo, o que fez dissipar a deceção face à expetativa de uma maior adesão da comunidade local.

    O nosso agradecimento aos pais, professores, assistentes operacionais, patrocinadores e a todos os presentes, que contribuíram para que esta aprendizagem se revele uma mais-valia para o futuro, ao constituir uma alavanca no sentido do “aprender a fazer”, e que, acreditamos, dará frutos na próxima iniciativa.

Como disse Fernando Pessoa: “Tudo vale a pena quando a alma não é pequena.”.

Texto: Josefa Reis e Dores Fernandes

Fotos: Josefa Reis

segunda, 28 novembro 2016 10:50

               Na Biblioteca da Escola Secundária, decorreu no passado dia 23 de novembro, um workshop designado “Museu Aristides de Sousa Mendes – perspetivas de animação educativa”, dinamizado pelo Dr. Pedro Pereira Leite, investigador do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra.

          Esta iniciativa, organizada no âmbito do projeto UNESCO intitulado “Refugiados e Heróis do Passado e do Presente”, tinha como principais objetivos: contribuir para a criação de projetos educativos do futuro museu, envolvendo a Escola nessa dinâmica; valorizar a figura de Aristides de Sousa Mendes e o património histórico-cultural da região.

            Podemos considerar que esta sessão foi muito interessante, pois a abordagem e a dinâmica empreendidas, sob o mote da memória social da figura deste herói do concelho e das vivências pessoais, propiciaram uma intensa interação entre os participantes, na maioria professores dos vários níveis de ensino e de diferentes áreas disciplinares, além da técnica do Museu Municipal Manuel Soares de Albergaria, de Carregal do Sal, Dra. Paula Teles e o representante da Fundação Aristides de Sousa Mendes, Dr. Luís Fidalgo.

           O grupo manifestou-se entusiasta da temática, tendo apresentado várias propostas para acervo e de criação espaços do referido museu. Sugeriram-se possibilidades de serviço educativo, numa perspetiva de museologia interativa e globalizante, em estreita ligação entre o Museu e o Agrupamento, beneficiando do facto de este integrar a rede de escolas associadas da UNESCO e onde caberão, na sua ótica, percursos pelo património natural, histórico-cultural e gastronómico do concelho e da região.

        Em jeito de balanço, esta tarde de trabalho revelou-se bastante proveitosa, pela partilha de pontos de vista, pela reflexão e debate, num espírito de cooperação e de respeito mútuo em prol do projeto comum. Podemos, por isso, concluir que foram atingidos os anseios da organização desta atividade.

Texto: Dores Fernandes

Fotos: Josefa Reis 

sexta, 25 novembro 2016 14:27
sexta, 25 novembro 2016 11:22

O Dia Nacional do Pijama foi festejado a 21 de novembro na Escola Básica Nuno Álvares pelas crianças da Educação Pré-Escolar (JI Angelina de Sousa Mendes e EBNA). Foi um dia diferente, pois vieram vestidos de pijama e trouxeram um peluche (crianças, pessoal docente e não docente) para lembrar a todos que “uma criança tem direito a crescer numa família”. Das famílias chegaram também as casas-mealheiros com os donativos para a Associação Mundos de Vida.

As diferentes turmas construíram fadas para a exposição do hall de entrada da escola. Desenvolveram-se ainda diversas atividades educativas e divertidas em contexto de sala de atividades e no pavilhão gimnodesportivo realizou-se um baile ao som de Agir (autor da canção-Missão Pijama 2016).